sábado, 10 de junho de 2017

Tentar encontrar - Poesia de Suzana Castro



Há tantos caminhos,
E eu me perdi,
No meio de tantas coisas,
Que tampouco cheguei a descobrir.

A vida é muito injustiça,
E as injustiças rolam a cada segundo,
Se omenos,
Uma gota de alegria caísse em meu coração,
Desceria sob meu rosto,
Lágrimas felizes.

Mas a justiça e oculta,
Na gramática real da realidade,
Onde o errado e certo,
E o certo é errado.

Tento encontrar,
A minha felicidade,
Mas ela se perdeu de mim,
E onde se esconde,
Meu coração não sabe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário