sábado, 10 de junho de 2017

Cansa sentir quando se ama - Poesia de Suzana Castro



Chega transbordar a dor,
De um coração cansado,
De tanto amor proibido,
Sem poder alcançar,
O que lhe parece impossível.

As lágrimas descem sem para,
Rolam como o bruto sofrimento,
Agredindo meu coração,
As noites e dias parecem não passar,

Nenhum comentário:

Postar um comentário